Acusado de ser protegido por Musk, Monark rebate: ‘não o conheço’

Acusado de ser protegido por Musk, Monark rebate: ‘não o conheço’

O comunicador Bruno Aiub, o famoso Monark, deu declaração ao Diário do Poder para rebater as acusações de que é protegido pelo dono da rede social X, Elon Musk e tem como ele associação criminosa. O veterano do gênero podcast no Brasil considera que o posicionamento do empresário contra o ministro Alexandre de Moraes é uma reação de quem luta pela liberdade. Na avaliação de Monark, o dono da Tesla quer credibilizar o X perante o mundo com uma política de liberdade de expressão.

“Não o conheço. Não convivo com ele. O Elon Musk está fazendo um papel importante para a humanidade nesse momento, que é brigar pela liberdade de expressão. A gente tem um movimento mundial de cerceamento da opinião das pessoas. O Elon Musk está do lado certo da ideia. Essa briga com o Alexandre de Moraes vai ser positiva para o Brasil e a tendência é que o Musk vença”.

Para o comunicador, que teve seu programa retirado de todas as plataformas de redes sociais do Brasil, e foi obrigado a pagar multa de R100 mil por dia, caso descumprisse as ordens de Moraes, o ministro “passou de todos os limites”.

Ao incluir Elon Musk no inquérito das milicias digitais, Alexandre de Moraes apontou para associação criminosa com figuras antes investigadas pelo STF, entre elas o comunicador que agora vive nos Estados Unidos por temer ser preso mediante a exposição de suas opiniões.

source


Descubra mais sobre Conexão Libertas

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Deixe um comentário