Caso Brazão vai ao plenário da Câmara com ou sem aprovação na CCJ

Caso Brazão vai ao plenário da Câmara com ou sem aprovação na CCJ

O relator do processo que corre na Câmara dos Deputados pela apreciação da prisão de Domingos Brazão, deputado Darci de Matos (PSD-SC), disse ao Diário do Poder que o caso irá ao plenário da Casa Baixa independente do cenário que se consolidará na Comissão de Constituição e Justiça. “É o regimento”, assegurou após reunião com o presidente Arthur Lira, nesta terça-feira (9).

Matos prevê que a decisão do plenário deve ocorrer durante a noite desta quarta-feira (10), após os debates . Conforme antecipou a coluna do jornalista Cláudio Humberto,o relator estima aprovação em plenário com 300 votos favoráveis ao seu parecer que recomenda a manutenção da prisão.

Para Darci de Matos, o principal impasse formado sobre o voto dos pares é a decisão entre manter um investigado por duplo assassinato preso e endossar uma ordem de prisão assinada pelo ministro Alexandre de Moraes.

Nesta terça-feira (9), o Diário do Poder ouviu parlamentares ainda indecisos quanto ao voto. É o caso de Eli Borges (PL-TO), líder da Frente Evangélica na Câmara. “Se votar contra, beneficio um provável assassino. Se votar a favor endosso uma ação de Moraes”, analisou. 

“A Câmara dos Deputados vai votar pela manutenção da prisão do deputado por que há elementos que o incriminam na morte da vereadora Marielle, crime inafiançável. Acredito que teremos um placar acima de 400 votos”, analisou otimista o vice-líder do governo, José Nelto. 

 

source


Descubra mais sobre Conexão Libertas

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Deixe um comentário