Demissão de Prates ‘queima’ R$ 34 bilhões em valor de mercado da Petrobras

Demissão de Prates ‘queima’ R$ 34 bilhões em valor de mercado da Petrobras

A Petrobras fechou em queda de 6,78% no pregão desta quarta-feira, 15, registrando uma perda de R$ 34 bilhões em seu valor de mercado.

Petrobras
Petrobras | Foto: Reprodução/Twitter/X

A ação preferencial da Petrobras atingindo o maior volume alugado na véspera da saída de Jean Paul Prates da presidência da empresa.

Saiba mais: Temor à interferência política: ações da Petrobras caem 8% na Bolsa de São Paulo

Outra queda expressiva ocorreu em 8 de março de 2024, quando a Petrobras anunciou a retenção dos dividendos extraordinários de 2023, resultando em uma perda de R$ 55,3 bilhões.

Recorde de aluguéis de ações da Petrobras

No dia 14 de maio, as ações preferenciais da Petrobras (PETR4) registraram o maior volume de estoque de aluguel em 12 meses, encerrando o pregão com R$ 13,3 bilhões na CBLC, o que representa 7,3% do free float da ação, com uma taxa de aluguel de 0,61% – o maior nível desde novembro de 2023.

No dia anterior, essa taxa estava em apenas 0,04%.

Durante o pregão do dia 14, foram realizados 8.020 contratos com a ação PETR4, com um valor médio por contrato de R$ 202 mil.

Saiba mais: J. R. Guzzo: ‘Lula tem relação tóxica com a Petrobras’

Já a ação ordinária PETR3 teve 295 contratos, com um volume médio de R$ 3,0 milhões por contrato e uma taxa média de 0,44%, a mais alta no mês de maio.

O estoque de aluguel do papel PETR3 em 14 de maio foi de R$ 5,18 bilhões, representando 77% do máximo atingido nos últimos 12 meses.

Muitos investidores que operaram os contratos de aluguel nesse dia registraram ganhos significativos com a queda das ações, devido à saída de Prates da presidência da Petrobras.

Saiba mais: Lula demite Jean Paul Prates da presidência da Petrobras

Este evento influenciou fortemente o mercado, resultando em oportunidades lucrativas para aqueles que estavam envolvidos em operações de aluguel de ações da Petrobras.

source
Siga o canal Conexão Libertas no WhatsApp:

https://whatsapp.com/channel/0029Va60fTpHQbS8xzf9zq1M

Siga o canal Conexão Libertas no Telegram:

https://t.me/conexaolibertas


Descubra mais sobre Conexão Libertas

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Deixe um comentário