Engenheira presa no 8 de Janeiro detalha tortura psicológica na Colmeia

Engenheira presa no 8 de Janeiro detalha tortura psicológica na Colmeia

A entrevistada desta edição do programa Falando Abertamente é Regina Modesto, engenheira civil e mecânica, de São Paulo (SP). Regina foi uma das 38 pessoas presas no plenário do Senado, onde a perícia confirmou que nada foi depredado, no 8 de Janeiro.

Regina conta que foi vítima de todo tipo de tortura psicológica. Ameaças, coação, abuso de autoridade e desrespeitos aos direitos humanos eram frequentes. Ela se abrigou dentro do prédio do Congresso apenas para se proteger. Mesmo assim, ficou 7 meses presa e foi condenada, posteriormente, a 17 anos de cadeia, em julgamento virtual do STF.

source
Siga o canal Conexão Libertas no WhatsApp:

https://whatsapp.com/channel/0029Va60fTpHQbS8xzf9zq1M

Siga o canal Conexão Libertas no Telegram:

https://t.me/conexaolibertas


Descubra mais sobre Conexão Libertas

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Deixe um comentário