Gabinetes do Senado já consumiram R$7 milhões este ano

Gabinetes do Senado já consumiram R$7 milhões este ano

Muito bem instalados em Brasília, os 81 senadores já impuseram ao pagador de impostos quase R$7 milhões (R$6.960.990,48) em gastos para manutenção dos seus gabinetes somente em 2024. O sergipano Laércio Oliveira (PP) tem elogiada atuação parlamentar, mas apresenta a estrutura mais cara, ao custo de R$190,2 mil, afora salários. No total, R$87.654,65 somente em “locomoção, hospedagem, alimentação e combustíveis”, despesas mais frequentes da maioria dos senadores. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

O gabinete do senador petista Beto Faro custou R$176,1 mil este ano. Só em propaganda de suas atividades gastou R$49,6 mil.

Quem mais gasta em “divulgação da atividade parlamentar” é Davi Alcolumbre (União-AP): R$82,5 mil. Seu gabinete custou R$111,2 mil.

Nada gastaram Eduardo Girão (Novo-CE), Jorge Kajuru (PSB-GO) e Janaína Farias (PT-CE), que não teve tempo: assumiu há dias.

source


Descubra mais sobre Conexão Libertas

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Deixe um comentário