Jornalista americano diz que Lula participa de impulso ao totalitarismo

Jornalista americano diz que Lula participa de impulso ao totalitarismo

Políticos e personalidades do mundo todo estão acompanhando as investidas de Elon Musk contra as ações de censura praticadas pelo Ministro Alexandre de Moraes na internet. O renomado jornalista Michael Shellenberger fez um compilado de informações relacionando as últimas declarações de Elon Musk com outros fatos que demonstram o avanço do autoritarismo no Brasil.

Ele foi específico em afirmar que há uma associação de Moraes com o presidente da República, Luís Inácio Lula da Silva. “Não é exagero dizer que o Brasil está à beira da ditadura nas mãos de um ministro totalitário do Supremo Tribunal Federal chamado Alexandre de Moraes. O presidente Lula da Silva está participando desse impulso em direção ao totalitarismo”, afirmou.

Para o influenciador, o presidente do Brasil, junto aos magistrado, está promovendo “uma violação escandalosa da Constituição do Brasil e da Declaração dos Direitos Humanos das Nações Unidas”, afirmou.  E completou que apesar do processo eleitoral, que proporcionaria a troca de governo no país:  “o Supremo Tribunal Federal e o Tribunal Superior Eleitoral interferem em eleições por meio de censura”.

O jornalista destacou que sua crítica não é partidária. “Não sou fã nem de Bolsonaro nem de Trump. As minhas opiniões políticas são muito moderadas. Mas eu reconheço a censura quando a vejo”, refletiu. 

E arrematou: “Posso dizer uma coisa que muitos brasileiros não podem mais: Alexandre de Moraes é um tirano. E a única maneira de lidar com os tiranos é enfrentando-os. Cabe aos seus senadores enfrentar o tirano. E cabe ao povo do Brasil pressionar seus senadores para que façam isso”. 

Shellenberger preside Cátedra de Política, Censura e Liberdade de Expressão na Universidade de Austin, no Texas (EUA). Ele é um dos principais agentes envolvidos na exposição de escândalos entre a antiga gestão do twiter , atual rede social X e políticos dos EU.

source


Descubra mais sobre Conexão Libertas

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Deixe um comentário