Jornalista português detido em SP volta ao Brasil para ato de Bolsonaro em Copacabana

Jornalista português detido em SP volta ao Brasil para ato de Bolsonaro em Copacabana

O jornalista português Sérgio Tavares, detido pela Polícia Federal ao desembarcar no Brasil em fevereiro, anunciou que retornará ao país neste domingo (21) para cobrir a manifestação liderada por Jair Bolsonaro em Copacabana.

Em um vídeo publicado em suas redes sociais na manhã deste sábado, Tavares fez um apelo às autoridades portuguesas e à imprensa para que se mantenham em alerta.

“Já se percebeu que no Brasil não respeitam os direitos humanos, não respeitam a liberdade de expressão, e já se percebeu também que a Polícia Federal não tem escrúpulos, ao ponto de mentir sobre mim, difamar-me, submeter-me a interrogatórios encomendados por Brasília”, afirmou o jornalista no vídeo, gravado no aeroporto de Lisboa, pouco antes de embarcar para o Brasil.

Tavares prometeu fazer uma transmissão ao vivo assim que chegar ao Rio de Janeiro “para denunciar tudo o que eventualmente me quiserem fazer lá nesse aeroporto”.

Além de cobrir a manifestação em Copacabana, o jornalista afirmou que irá ao Senado Federal. “Apesar de eu estar receoso do que me possam fazer, vou regressar ao Brasil. Vou defender minha honra, irei estar presente no Senado Federal para denunciar tudo o que aconteceu”, disse. Ele também anunciou que irá processar a Polícia Federal.
A manifestação deste domingo está marcada para as 10h e deverá contar com a presença de três governadores e cerca de 50 parlamentares.

No dia 25 de fevereiro, Tavares foi detido ao desembarcar no aeroporto de Guarulhos. Ele afirma que, sob o pretexto de fazer averiguações sobre o seu visto, foi levado a uma sala separada e interrogado sobre suas posições políticas. Os policiais federais só o liberaram quase quatro horas depois. Clique AQUI para assistir ao vídeo de Sérgio no seu canal do Youtube. (Foto: reprodução vídeo; Fonte: Gazeta do Povo)

Gostou? Compartilhe!

source


Descubra mais sobre Conexão Libertas

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Deixe um comentário