Lewandowski prorroga atuação da Força Nacional no Rio de Janeiro

O ministro da Justiça, Ricardo Lewandowsk.
O ministro da Justiça, Ricardo Lewandowsk.| Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado.

O ministro da Justiça, Ricardo Lewandowski, prorrogou a atuação da Força Nacional no Estado do Rio de Janeiro por mais 30 dias. A portaria, assinada nesta quinta-feira (28), ficará em vigor entre os dias 1º e 30 de abril. Mais cedo, o governador Cláudio Castro (PL) solicitou formalmente ao governo a prorrogação da permanência dos agentes para patrulhamento de rodovias federais.

“O apoio da Garantia da Lei e da Ordem (GLO) às polícias do estado, que terminaria no próximo dia 31 de março, é fundamental para fortalecer o patrulhamento nas rodovias federais”, disse Castro, em nota, informou a Agência Brasil. Cerca de 300 agentes da Força Nacional reforçam a segurança no Rio de Janeiro desde outubro de 2023, por ordem do então ministro da Justiça, Flávio Dino.

Além dos agentes e de 50 viaturas, o ministério autorizou o deslocamento de 270 policiais rodoviários federais, que atuam no patrulhamento de rodovias, para auxiliar as forças de segurança locais. O período inicial de permanência do reforço iria até janeiro de 2024. No entanto, no fim de janeiro, a pedido de Castro, Dino prorrogou a presença dos agentes por mais 60 dias.

A prioridade da ação no Rio de Janeiro é o patrulhamento das principais rodovias do estado, agindo principalmente no bloqueio de rotas usadas para transportar cargas, veículos roubados, drogas e armas.

O efetivo – composto por bombeiros, policiais civis, militares e peritos – atua na preservação da ordem pública, na segurança de pessoas e do patrimônio e em emergências e calamidades públicas.

source


Descubra mais sobre Conexão Libertas

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Deixe um comentário