Lula dispara contra banqueiros e empresários e diz que não precisam do Estado

Lula dispara contra banqueiros e empresários e diz que não precisam do Estado

Lula
Presidente afirmou que banqueiros e empresários exigem superávit do Estado e que “vivem pegando empréstimos”.| Foto: Ricardo Stuckert/Secom

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disparou contra banqueiros e empresários brasileiros na noite desta quarta (3), em Brasília, dizendo que eles não precisam do Estado, mas que exigem superávit primário e empréstimos públicos.

A fala foi uma continuação das críticas que fez
recentemente por conta da reação à retenção dos dividendos extraordinários da
Petrobras.

“Os banqueiros não precisam do Estado, mas
exigem que o Estado faça superávit primário e coloque à disposição deles
bilhões. Os grandes empresários não deveriam precisar do Estado, mas precisam
porque vivem pegando dinheiro emprestado do Estado”, afirmou durante um
discurso na 12º Conferência Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente.

O presidente também abordou a questão da
tributação, destacando que os mais ricos pagam menos Imposto de Renda, enquanto
a classe trabalhadora e a classe média arcam com a maior parte da carga
tributária do país.

“Quem é que precisa do Estado? O povo trabalhador, a classe média baixa que paga 80% de Imposto de Renda neste país. Porque rico também paga muito pouco Imposto de Renda, quem paga é quem trabalha e recebe contracheque no fim do mês”, completou.

Essas declarações surgem num momento em que o governo está em discussão sobre a manutenção da meta de superávit primário de 0,5% do PIB em 2025. A ministra do Planejamento, Simone Tebet, afirmou que a revisão dessa meta está sendo considerada, assim como mais recentemente o ministro Fernando Haddad, da Fazenda. Para este ano, a meta estabelecida é de um déficit zero.

source


Descubra mais sobre Conexão Libertas

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Deixe um comentário