Ministro de Israel diz que Lula é quem deveria ser censurado nas redes sociais

Ministro de Israel diz que Lula é quem deveria ser censurado nas redes sociais

O ministro das Relações Exteriores israelense, Israel Katz, criticou publicamente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), sugerindo que ele deveria ser bloqueado ou censurado no X (ex-Twitter). Katz afirmou: “Se alguém deveria ser bloqueado ou censurado no X deveria ser você, Lula”. Ele fez esses comentários ao compartilhar uma publicação de Elon Musk nesta quinta-feira (11). Katz acusou Lula de ter o “hábito de censurar e distorcer a verdade”, acrescentando que não está surpreso que Lula esteja tentando censurar os outros.

Elon Musk, proprietário da plataforma, também expressou preocupação com a situação, afirmando que a “severidade da censura e o grau em que as próprias leis do Brasil estão sendo violadas, em detrimento do seu próprio povo, é o pior” em comparação com outros países onde a plataforma opera. Esses comentários surgiram depois de Musk ter declarado na segunda-feira (8) que o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Alexandre de Moraes se tornou “o ditador do Brasil” por ter colocado Lula “em uma coleira”.

Katz tornou-se o representante israelense mais crítico do governo Lula após as declarações do petista que compararam a ação militar de Israel em Gaza ao genocídio praticado contra os judeus na Alemanha. A tensão entre Israel e o governo brasileiro tem aumentado devido a esses comentários, com Katz expressando forte desaprovação das posições de Lula. (Foto: reprodução redes sociais; Fonte: Poder360)

Gostou? Compartilhe!

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou, nesta sexta-feira (11), maioria de votos para ampliar o alcance do foro privilegiado. O presidente da Corte, ministro Luís Roberto Barroso, votou pela manutenção da prerrogativa de foro em casos de crimes cometidos no cargo e em razão dele, mesmo após a saída da […]

source


Descubra mais sobre Conexão Libertas

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Deixe um comentário