URGENTE: Deputada norte-americana defende suspensão do visto de Alexandre de Moraes

URGENTE: Deputada norte-americana defende suspensão do visto de Alexandre de Moraes

Congressista dos EUA critica Lula e Alexandre de Moraes em audiência na Câmara dos Representantes

Na Câmara dos Representantes dos EUA, a congressista da Flórida, María Elvira Salazar, que é também presidente do Subcomitê de Relações Exteriores da Câmara para o Hemisfério Ocidental, fez duras críticas ao presidente brasileiro Luiz Inácio da Silva e ao ministro do STF, . Com uma extensa carreira jornalística voltada para a América Latina, Salazar classificou Moraes como um “operador totalitário” e mencionou Lula como um “condenado por corrupção”.

“Na audiência, chamei as coisas pelo nome. Sempre fui muito direta, sem rodeios. Fiquei surpresa com os aplausos dos brasileiros quando eu disse que Lula é um ‘condenado por corrupção’ e Alexandre de Moraes um ‘operador totalitário’. Isso me mostrou que os brasileiros estão se sentindo muito oprimidos agora e precisavam ouvir a verdade sendo dita livremente,” afirmou Salazar.

A congressista também defende que o governo norte-americano retire o visto de entrada do ministro Alexandre de Moraes, e em entrevista à Gazeta do Povo, detalhou como sua experiência como jornalista influencia seu trabalho político atual. “Comecei reportando sobre a política da América Latina durante as guerras na América Central. Por vários anos, morei em diferentes países da região e pude conhecer suas culturas e pessoas. Se há alguém que pode falar com conhecimento sobre a América Latina, sou eu, porque me vejo como eles e sou um deles. E isso, em parte, devo ao jornalismo,” explicou Salazar.

Questionada sobre seu compromisso ativo contra as ditaduras socialistas na América Latina, Salazar destacou a influência da história de seus pais, refugiados cubanos, como uma motivação pessoal. “Não quero que ninguém mais tenha que deixar sua pátria como eles tiveram que fazer,” ela disse, expressando preocupação com o avanço do socialismo e a importância de preservar a democracia no Brasil.

Na audiência que discutia a liberdade de expressão e o autoritarismo no Brasil, Salazar enfatizou a necessidade de vigilância contra as tendências “socialistas”, fazendo uma comparação entre a situação presente e regimes autoritários antigos e atuais, como Cuba, Venezuela e Nicarágua.

A parlamentar também sugeriu que a Organização dos Estados Americanos (OEA) deveria ter um papel mais ativo na denúncia de violações de direitos humanos no Brasil, enfatizando a importância de tal iniciativa nas relações internacionais e para a preservação das liberdades civis.

source
Siga o canal Conexão Libertas no WhatsApp:

https://whatsapp.com/channel/0029Va60fTpHQbS8xzf9zq1M

Siga o canal Conexão Libertas no Telegram:

https://t.me/conexaolibertas


Descubra mais sobre Conexão Libertas

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Deixe um comentário